[ editar artigo]

Uma história para inspirar

Uma história para inspirar

Katiane, Tacio e Giulia Demarchi resolveram fazer a diferença na quarentena

A família de Giulia Moreira Demarchi, 14 anos, estudante do Colégio Sesi Trilíngue, de Foz do Iguaçu, resolveu fazer a diferença neste tempo de pandemia mundial. Katiane Moreira Demarchi e seu marido, Tacio Fonseca Demarchi, resolveram aproveitar o tempo disponível devido à quarentena para confeccionar máscaras de proteção para toda a face, equipamento de proteção individual (EPI) essencial aos profissionais da saúde que estão na linha de frente contra o novo coronavírus (COVID-19).

Na mesa da cozinha, Katiane, Tacio e Giulia montam máscaras se inspirando em projetos similares que ocorreram por todo Brasil, como por exemplo o projeto do Hospital das Clínicas de Porto Alegre (RS). O casal criou uma “linha de produção” artesanal. Conseguiram, com uma campanha on-line, arrecadar dinheiro para a compra dos materiais necessários para a produção das máscaras. No total, foram mais mil reais arrecadados, além do apoio de empresas da cidade.

“Não somos capazes de produzir máscaras no padrão da Anvisa, mas essas máscaras caseiras vão servir para proteger os olhos, o nariz e a boca dos profissionais de saúde dos respingos de secreção”, afirma Katiane em matéria para o site Razões para Acreditar. Já foram produzidas mais de 600 máscaras, distribuídas por toda a cidade, em clínicas, UBSs e hospitais.

Com informações do Portal Razões Para Acreditar

Observatório Sistema Fiep
Ler conteúdo completo
Indicados para você